Hidrobike

A Hidrobike, conhecida também como ciclismo aquático, surgiu há 10 anos na Itália e foi apresentada pela primeira vez em uma convenção nos Estados Unidos, onde logo ganhou espaço entre as academias. É uma aula totalmente aeróbica, que melhora a composição corporal e reduz o percentual de gordura. Como é praticada dentro da piscina facilita a perda de calor, por conta de diminuir o estresse térmico, apesar de não se ter a sensação corporal de queimar calorias. Em uma única aula de 45 minutos é possível perder entre 500 e 800 calorias. A modalidade é indicada para adultos de todas as idades.

Por solicitar uma boa parte da musculatura corporal, melhora a capacidade do sistema circulatório e, consequentemente, a resistência em geral. As principais adaptações do sistema circulatório às aulas de hidrobike:

• Diminuição da frequência cardíaca de repouso;
• Elevação da capacidade máxima do sistema circulatório;
• Redução da necessidade de oxigénio no musculo cardíaco;
• Melhoria da circulação no miocárdio;
• Diminuição da pressão arterial.

As aulas de Hidrobike possibilitam o treino da musculatura como um todo, principalmente:

  • Pernas e coxas
  • Glúteos
  • Braços
  • Musculatura do ombro
  • Musculatura Abdominal

    A massagem que a água exerce sobre o corpo e musculatura, graças à pressão hidrodinâmica, ajuda na recuperação muscular, reduz dores e danos musculares.

    A pressão que a água exerce sobre o diafragma e sobre a caixa torácica, ajuda a fortalecer a musculatura respiratória. Uma vez que estes músculos têm de exercer maior contração para que sejam gerados os movimentos decorrentes do processo, e aumento/diminuição da cavidade torácica.
    Este fator leva a um aumento da eficiência do processo respiratório na água, assim como em repouso em terra.

Nas aulas de hidrobike, está bastante diminuída a sobrecarga e impacto nas articulações, especialmente na coxa joelhos e tornozelos. Pela solicitação/mobilização dessas articulações, a nutrição nas mesmas é melhorada e a musculatura trabalha de forma mais livre.
A diminuição do impacto possibilita um maior deslocamento entre juntas, tendões, ligamentos e capsulas, o que aumenta a flexibilidade.
Com aulas regulares de Hidrobike pode haver um aumento de densidade óssea e contribui na profilaxia e prevenção da osteoporose
A adaptação gerada pelo nosso corpo para que seja mantida a temperatura central (ocasionada pelo contato com a água), pode contribuir para um fortalecimento do sistema imunológico e uma maior resistência contra constipações.

hidrobike1 hidrobike2

3

hidrobike3